4º SEMINÁRIO DE MOBILIDADE ”LUGARES POSSÍVEIS: CIDADES PARA AO AMANHÔ

No início de outubro de 2016, tivemos a honra de realizar o 4º Seminário Nacional de Mobilidade Urbana “Lugares Possíveis: Cidades para o Amanhã”.  Em parceria com a ANTP e o apoio da Places for Us, trouxemos à tona questões de desenvolvimento urbano no mundo contemporâneo, com foco na realidade brasileira. Especialistas, empresários e representantes de entidades governamentais, juntamente com professores universitários e ONGs, apresentaram suas melhores práticas nas áreas de mobilidade, tecnologia, desenho urbano, placebranding, engajamento social, governança, entre outros.

Foram 3 dias de conteúdo com mais de 25 palestrantes, e participação de aproximadamente  200 pessoas entre as 4 mesas-chave, 3 espaços para ideias inovadoras e 1 sessão de construção de uma rua na cidade.

Para mais informações sobre o Seminário, acesse nosso canal no YouTube e nossa página no Facebook.

PREFEITO PARTICIPA DE AUDIÊNCIA PÚBLICA SOBRE MELHORIAS NA FLORIANO PEIXOTO

Situada no coração do Centro Histórico da cidade de Itu, a Rua Floriano Peixoto desempenha um importante papel nas dinâmicas comerciais do município.

Originalmente conhecida por Rua do Comércio, apresenta condições desfavoráveis para a circulação de pedestres, desde a largura reduzida de seus passeios até a condição de manutenção do piso.

A projeto de requalificação das calçadas da Rua Floriano Peixoto é um dos elementos que compõem uma série de medidas do Plano de Mobilidade Urbana de Itu, ambos em elaboração pela TcUrbes. As medidas têm em vista a melhoria das condições de circulação de pedestres, e quando aplicadas à região central configuram um potente instrumento para a valorização do turismo e fortalecimento do comércio local. Os conceitos elaborados para a requalificação foram discutidos com o Prefeito Antonio Luiz Carvalho Gomes e membros da Secretaria de Planejamento envolvidos.

Veja a matéria no link: http://jornalperiscopio.com.br/site/index.php/prefeito-participa-de-audiencia-publica-sobre-melhorias-na-floriano-peixoto/

PLANO CICLOVIÁRIO PREVÊ CERCA DE 200 KM DE VIAS PARA BIKES EM TERESINA

O Plano Diretor Cicloviário Integrado (PDCI) consiste num conjunto de estratégias que visam dotar a cidade de Teresina de instrumentos e infraestruturas eficazes para o incentivo à utilização da bicicleta como meio de transporte. Realizado pela TcUrbes em 2015 em parceria com a Prefeitura Municipal de Teresina, o Plano Diretor Cicloviário Integrado está em processo de aprovação pelo poder público municipal.

Confira matéria do Mobilize: http://www.mobilize.org.br/noticias/9296/plano-diretor-preve-cerca-de-200km-de-malha-cicloviaria-em-teresina.html

PLANO DE MOBILIDADE URBANA DE SANTA ISABEL DEVERÁ SER SANCIONADO EM BREVE

Elaborado pela TcUrbes no ano de 2013, em parceria com a Prefeitura Municipal de Santa Isabel, o Plano de Mobilidade Urbana aborda a relevância do município no contexto da Região Metropolitana de São Paulo, além do seu caráter turístico, que traz à cidade um aumento de cerca de 13% da população aos finais de semana em consequência do grande número de segundas residências. O Plano de Mobilidade Urbana de Santa Isabel está em processo de aprovação pelo poder público municipal e deve ser sancionado em breve pela Câmara dos Vereadores.

Leia mais aqui: http://santaisabel.sp.gov.br/pmsiportal/plano-de-mobilidade-urbana-de-santa-isabel-devera-ser-sancionado-em-breve/

PASSO FUNDO TERÁ SERVIÇO DE BICICLETAS COMPARTILHADAS

Sistema disponibilizará para a população cadastrada uma rede de estações de bicicletas em dez locais e com dez unidades em cada, sendo que os equipamentos poderão ser retirados para utilização de percursos de até duas horas.

A Prefeitura de Passo Fundo iniciou o processo para implantação de sistema de transporte por bicicletas públicas. O prefeito Luciano Azevedo destacou que o serviço será gratuito e proporcionará maior facilidade e versatilidade para pequenos percursos de trabalho e lazer. “É uma forma de incentivar o uso da bicicleta em curtos deslocamentos e beneficiar a melhora da mobilidade urbana. As bicicletas compartilhadas fazem parte da estruturação do Programa Passo Fundo Vai de Bici, que conta com a ciclovia e ações e eventos relacionados ao uso da bicicleta”, disse Luciano.

Conforme o projeto, o funcionamento das bicicletas compartilhadas será por uma rede de estações de autoatendimento, onde o usuário liberará a bicicleta na estação em que se encontrar e poderá devolver em outra, de forma prática e acessível a todos, apenas digitando o número do CPF e senha previamente cadastrada. O sistema disponibilizará para a população cadastrada uma rede de estações de bicicletas em dez locais e com dez unidades em cada, sendo que os equipamentos poderão ser retirados para utilização de percursos de até duas horas e, estarão disponíveis diariamente das 6h às 22h para retirada e 24 horas para devolução.

A implantação do sistema é uma indicação do Plano de Mobilidade Urbana, que visa o meio de transporte coletivo ou não motorizado. A análise do plano concluiu ainda que, atualmente, apenas 0,4% dos deslocamentos são feitos por bicicleta, em contrapartida ao apontamento de que 39,3% dos deslocamentos são feitos com o uso de carro e 21,9% realizados a pé.  O novo serviço está previsto para começar a operar no início de 2016.

Confira o link: http://www.onacional.com.br/geral/cidade/64073/passo+fundo+tera+servico+de+bicicletas+compartilhadas